Bilac Pinto

Deputado Federal

Legislatura

2014 - 2018

Arrow
Arrow
Slider
Segunda, 02 Abril 2018 16:59

Deputado federal Bilac Pinto é contra a volta do imposto sindical obrigatório

Avalie este item
(0 votos)

Prezados Amigos,

Defender a manutenção da cobrança obrigatória de impostos sindicais que foram extintos com a aprovação da Reforma Trabalhista é sinônimo de retrocesso.

A contribuição voluntária do imposto sindical foi aprovada de forma democrática pelo plenário da Câmara dos Deputados, após inúmeros debates que contaram com a presença de membros de centrais sindicais e trabalhadores de diversas categorias.

Em nota, a Secretaria de Relações do Trabalho, do Ministério do Trabalho, defendeu a volta da cobrança do imposto sindical após votação em assembleia, opinião que visa a manutenção de sindicatos que estão prestes a serem extintos sem o recolhimento do imposto sindical obrigatório.

No Brasil atualmente existem mais de 16 mil sindicatos, que antes arrecadavam aproximadamente R$ 3,5 bilhões por ano, recursos que ao invés de serem investidos em prol dos trabalhadores, serviam em sua grande maioria para atender as demandas de uma pequena minoria.

Se posicionar a favor de sindicatos ao invés dos interesses de nossos trabalhadores não resolverá o problema do desemprego no Brasil, ou muito menos tornará os salários de nossos trabalhadores mais competitivos.

Não poderia deixar de me posicionar contrário a nota técnica nº2/2018 emitida pela Secretaria de Relações do Trabalho, por acreditar que nosso mercado de trabalho vem evoluindo com o passar dos messes, com a criação de novas vagas de emprego e maior diálogo entre trabalhadores e empregadores, relação profissional que aumentou consideravelmente o rendimento de nossos trabalhadores.

Um fraterno abraço.

Bilac Pinto

Deputado Federal

Lido 673 vezes Última modificação em Quinta, 05 Abril 2018 14:40

Links Úteis