Quinta, 10 Agosto 2017 20:43

Devemos reerguer estatais como a CEMIG, e não leiloá-las!

Avalie este item
(0 votos)

O possível leilão da Companhia Elétrica de Minas Gerais -CEMIG, estatal mineira que possui uma dívida ativa de aproximadamente R$ 6 bilhões, é uma triste realidade, que caso venha a ocorrer terá um impacto extremamente negativo na vida de todos nós mineiros, que já pagamos valores relativamente altos pelo fornecimento de energia elétrica.

Embora o Governo Federal almeje arrecadar aproximadamente R$ 11 bilhões com o leilão da estatal mineira, me posicionarei contrário sua venda, pois por muitos anos tive o prazer e oportunidade de trabalhar numa empresa que me ensinou na prática o verdadeiro significado de “ajudar o próximo”.

Atualmente a CEMIG possui outras empresas ligadas a seu grupo, que diariamente trabalham no apoio operacional de suas atividades, iniciativa empreendedora que além de gerar emprego também demonstra sua real intenção: a de continuar investindo para melhor atender a população de Minas Gerais.

Para evitar o leilão, a CEMIG ofereceu ao Governo Federal uma participação de 45% de suas ações, uma atitude ao meu ponto de vista generosa, que deverá ser avaliada ao longo dos próximos dias.

A preocupação de se leiloar a CEMIG, deve-se ao fato de que as contas de luz com certeza ficarão mais caras para toda população mineira, podendo, segundo especialistas, até dobrar de preço.

Infelizmente este é mais um resquício das últimas administrações petistas, que de forma partidária e autoritária utilizaram as contas de luz para fazer campanha eleitoral, criticando aqueles que em 2014 já alertavam para os possíveis impactos negativos de uma administração irresponsável como a de Dilma Rousseff.

Além do Governador Fernando Pimentel, que atualmente é contra o leilão, vários Secretários de Estado que compõem seu governo, no passado fizeram forte pressão para que estatais como a CEMIG fossem leiloadas ao longo do Governo Dilma Rousseff, demonstrando na prática certa incoerência em suas posturas como homens públicos.

Como parlamentar manterei meu posicionamento contrário ao leilão, assumindo sempre meu compromisso de lutar pelos interesses de nossa sociedade mineira.

Um forte abraço a todos.

Respeitosamente,

Bilac Pinto 
Deputado Federal (PR/MG)

Lido 59 vezes