• SLIDE_FINAL
Quinta, 11 Abril 2019 18:13

Oposição ataca os primeiros 100 dias do Governo Bolsonaro

Avalie este item
(0 votos)

 

Prezados Amigos,

Sem demonstrar argumentos construtivos e presos à velha cultura das críticas vazias, muitos parlamentares oposicionistas ao Governo Bolsonaro fizeram questão de atacar os 100 primeiros dias de uma gestão que enfrenta um péssimo quadro econômico, resultante da incoerência, da irresponsabilidade e da falta de gestão e bom senso dos últimos governos petistas.

Especialistas em aparelhar a máquina pública, institucionalizar a corrupção, apadrinhar “companheiros” para cargos de direção em nossas estatais, destruir a cultura brasileira, dividir nossa sociedade em grupos, menosprezar o diálogo e culpar o próximo para justificar a sua própria incompetência, a esquerda brasileira é incapaz de aceitar o resultados das urnas e continua a insistir no erro, como presenciamos ao longo das últimas audiências na Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJC).

Como é de conhecimento comum, vivemos num país que possui uma máquina pública extremamente burocrática e deficiente, devido ao seu tamanho e excesso de regulamentações, que dificultam e retardam a execução de projetos fundamentais para o desenvolvimento econômico de um país emergente como o Brasil.

Ao longo dos seus três primeiros messes, o Governo Bolsonaro promoveu inúmeras audiências em conjunto com a Câmara dos Deputados e Senado da República, comprovando assim que é a favor do diálogo e aberto a sugestões, para que possamos assim avaliar a Reforma da Previdência, uma PEC fundamental para garantirmos a sustentabilidade da Previdência Social, além da sobrevivência de diversos Programas Sociais, uma iniciativa prudente por parte de um governo que demonstra possuir visão de futuro.

Antes de realizar duras críticas ao Governo, os oposicionistas deveriam fazer uma profunda reflexão de tudo aquilo que o PT deixou de fazer pelo Brasil, uma vez que deixaram de colocar em pauta todas as propostas que atualmente pregam nas comissões da Câmara dos Deputados, como a taxação de grandes fortunas e a cobrança das bilionárias dívidas previdenciárias, matérias que prometem solucionar todos os nossos impasses financeiros, relevando assim a incompetência de um partido político que enviou BILHÕES DE REAIS para ditaduras estrangeiras, enquanto nossos municípios decretavam estado de calamidade e nossa sociedade perdia seu poder aquisitivo.

Inventar uma poção mágica para solucionar todos os problemas gerados ao longo dos últimos treze anos da caótica gestão petista, é isso que a esquerda espera do Presidente Bolsonaro, *UM MILAGRE*, mesmo cientes da VERDADE!

Olhar para o futuro com otimismo, mesmo cientes das batalhas que enfrentaremos diante do atual e delicado quadro econômico brasileiro, é isso que os membros do atual Governo Bolsonaro estão fazendo, pois acreditam no bom senso de todos os parlamentares abertos ao diálogo, independente de orientações partidárias e convicções ideológicas, um grupo técnico composto com apenas um objetivo: de proporcionar um futuro melhor a nossa sociedade, resgatando o patriotismo e confiança do povo brasileiro.

Para todos aqueles que acompanham a trajetória do PT ao longo das últimas décadas, esta falta de respeito e desvio de foco por parte da oposição não é nenhuma novidade, tendo em vista a biografia de um ex-presidente que se encontra preso por corrupção, portanto merece ser ignorada pelo bem-estar de nossa nação.

Como parlamentar reitero o meu compromisso com o diálogo e bom senso, espírito público que corrigirá os problemas resultantes de um passado conturbado e duvidoso, para que possamos oferecer um futuro mais próspero para as nossas futuras gerações.

Respeitosamente,

Bilac Pinto

Deputado Federal

Lido 82 vezes Última modificação em Terça, 16 Abril 2019 19:42

Links Úteis